terça-feira, 18 de novembro de 2008

Estado de choque.



Um estandarte
Em homenagem ao pleno e ao difuso
Um pára-quedas
Em homenagem ao plano e extenso

Ao tenso...tensão 220 volts.
Depois do choque
Uma aspirina e um copo d’água,
Batidinhas de leve no rosto

E pronto.

Nasce um novo ser
Chocado,
Numa chocadeira.

Um comentário:

Versos em nós disse...

olá Danilo, sou dono do blog dosini.blogspot.com

infelizmente eu esqueci o e-mail e asenha do outro blog por falta de uso, mas agora criei um novo e vou usa-lo com mais frequência, espero contar com sua visita. muito obg pelo elogio. e vc tbm escreve muito bem.!