segunda-feira, 1 de outubro de 2007

(ím)par.


Uns são par, então dois... são ímpares?

Que sei é que não sou todo rima,
mas pretensiosamente
posso crer ter nascido poeta.
Senão, não me era tão viciado,
viciado em denotar beleza
onde só há um cinza tom de morte.

Danilo Cândido. 1º de outubro.

Um comentário:

Nobre Epígono disse...

Como sempre maravilhoso!